Ideias. Colaboração. Tecnologia.
+55 21 2224-4525
IInterativa

Confira mais dez fatos importantes acerca dos hábitos de consumo mais comuns

 

Se você trabalha com redes sociais, canais digitais e toda forma de marketing digital, precisa se perguntar seriamente sobre se conhece bem o consumidor a ponto de não ser surpreendido por seus hábitos e comportamentos. Confira mais dez coisas que você talvez não saiba sobre o consumidor, no infográfico de hoje da Infobase Interativa: Continue lendo


No caminho contrário ao de reportagem publicada no UOL, sobre gamers profissionais e com a chamada O futuro de seu filho está nos games, gostaria de tecer um comentário.

Caros pais, apesar do que andam escrevendo ou promovendo por aí, o futuro de seu filho NÃO está nos games.

Educadores e psicólogos afirmam muitas vezes que “não existem estudos conclusivos sobre o mal que games podem causar em crianças e adolescentes”. Bobagem! Continue lendo


Alguns fatos importantes a se considerar na hora de influenciar os compradores

 

O que esperar do seu público-alvo? Que ele faça o óbvio ou que o surpreenda completamente? Para quem trabalha com marketing digital ou simplesmente tem como ocupação vender, essas são perguntas fundamentais para ser bem-sucedido. Confira o infográfico “10 coisas que você talvez não saiba sobre o consumidor” e saiba mais Continue lendo


Conheça algumas formas de estimular a criatividade de toda a equipe

 

Ideias são a alma do negócio. Para inovar no ambiente empresarial, você precisa buscar maneiras de estimular a criatividade. Confira 10 dicas para você ser um profissional que pensa “fora da caixa”, no infográfico a seguir:

Continue lendo


Por que jovens com menos de 30 anos – portanto, nascidos em uma época digital em que celular, laptops e internet já eram lugar comum – se sentiriam atraídos por discos de vinil em vez de streaming de músicas, fitas de VHS e DVDs em vez de vídeos do YouTube, máquinas de escrever em lugar de laptops, filme fotográfico ao invés de câmeras digitais?

Mesmo que não se possa chamar isso de tendência, uma vez que é mais presente na cena alternativa, em ambientes de contracultura mais distantes do hype da mídia digital — ou seja, uma minoria — é algo que chama a atenção. Continue lendo