Ideias. Colaboração. Tecnologia.
+55 21 2224-4525
IInterativa

De acordo com o TSE, dia 26 de outubro seria o último dia da eleição presidencial no Brasil. Esqueceram das redes sociais. Após uma eleição repleta de polêmicas, debates calorosos e intenso uso das redes sociais pelos candidatos, as redes sociais ainda fervilham. O que estamos vendo é uma “teoria da cauda longa” aplicada ao processo eleitoral.

“O debate realizado entre os presidenciáveis no dia 19 de outubro gerou 820 mil tweets ao longo das duas horas de programa.”

No Brasil, o número de pessoas que usam o Facebook todos os meses chegou a 89 milhões entre abril e junho deste ano. No Twitter, são 41,2 milhões de brasileiros com um crescimento de mais de 23% a partir do início deste ano. Continue lendo


Nas últimas semanas, o tiroteio eleitoral que antecedeu as eleições presidenciais nos diferentes meios de comunicação tornou-se uma interessante oportunidade para entender o comportamento das pessoas, especialmente nas redes sociais.

Como as mídias sociais permitem geração de conteúdo por qualquer usuário, tornou-se tarefa árdua separar o que é verdade do que é boato, informação manipulada, “recortes” sem considerar o contexto todo e por aí vai. Sem contar a enxurrada de trolls (mentiras disseminadas para causar polêmica). Continue lendo