Ideias. Colaboração. Tecnologia.
+55 21 2224-4525
IInterativa

Aplicativo Tworlds compara sua vida com a de um estranho

Com o aplicativo Tworlds, você tira uma foto e ela é imediatamente combinada com a de alguém que está vivendo um momento similar ao seu naquele exato instante. O usuário é anônimo, escolhido de forma aleatória e de qualquer lugar do mundo. A única coisa que une vocês dois é uma foto, tirada sobre um mesmo tema e no mesmo instante.

Ao se logar no app, você tem poucas e simples funções para seguir: habilitar sua câmera e sua localização, escolher uma hashtag que resume o seu atual momento ou tema (exemplo: #book, #party, #food, #relax, #love, etc) e tirar uma foto disso.  No momento, são apenas 26 hashtags para escolher, o que acaba limitando o potencial criativo de compartilhamento.

tworlds-1

Logo em seguida, sua foto será combinada com a de uma pessoa anônima que também escolheu fotografar aquela mesma hashtag, naquele mesmo momento.

tworlds-6

Para que o aplicativo gere relações honestas entre as fotos e seus usuários, não é possível escolher uma foto da biblioteca do seu aparelho ou até editá-la. Ou seja, não há filtros para mascarar a realidade. O que você irá compartilhar é exatamente aquilo que seus olhos estão captando. Pode parecer restrito, mas talvez seja a beleza do aplicativo.

No site do projeto, o designer holandês e criador do app Antoine Peters conta que a intenção inicial era responder à pergunta: “há alguém no mundo que esteja fazendo exatamente a mesma coisa que eu, neste mesmo instante?”. A minha resposta eu encontrei abaixo:

 

tworldsapp

Na prática, Tworlds pode parecer banal por não trazer nada de novo à tona. Afinal, com redes sociais e muitos outros aplicativos de compartilhamento disponíveis, fica fácil demais saber o que todos estão fazendo, em todos os momentos. Esse fator de comparar sua vida com a de um estranho só ganha notoriedade quando justamente o aplicativo restringe qualquer ferramenta ou recurso que possa alterar sua visão da realidade. O resultado? Você é obrigado a postar uma realidade sem filtros, que será comparada com a de uma pessoa anônima, com a impossibilidade de fuçar na vida dela e começar a seguí-la.

Essa simples reflexão da vida diária permite uma certa empatia com o projeto, muito similar ao aplicativo 20 Day Stranger do MIT, tendo até alguns elementos do Chatroulette e do Snapchat: conexões anônimas instantâneas que fazem qualquer um vulnerável.

Tworlds está disponível para iPhone e iPad de graça.

[Créditos da imagem em destaque: Shutterstock]

 **Este texto é uma produção independente e, portanto, de inteira responsabilidade do autor, não refletindo a opinião da IInterativa.


Samanta Fluture (29 Posts)

Samanta Fluture é formada em publicidade pela ESPM, possui especialização em Estéticas Tecnológicas pela PUC e em Artes pela Central Saint Martins London. É mestre em Tecnologias de Inteligência e Design Digital na PUC, e artista residente no Museu da Imagem e do Som (MIS), onde desenvolve um projeto baseado em redes e mobilidade.



Comentários no Facebook